E AGORA… JOSÉ?

26 de maio de 2010 at 12:32 pm 3 comentários

Carlos Drummond de Andrade já faz esta pergunta a um hipotético José, em sua bela e intrigante poesia.  No futebol paraense não paramos de fazê-la sempre que nos deparamos com um novo fundo de poço. E isso é cíclico em nosso futebol. O José que se apresenta agora é o Clube do Remo que vem atravessando um verdadeiro inferno astral muito por culpa de seus últimos dirigentes.  Para ele, tal qual para o José, de Drummond, a festa acabou, a luz apagou, após a derrota do último domingo, em Marabá. Desde o ano passado que havia uma pedra no meio do caminho no Baenão e todos sabiam disso, inclusive que nada seria fácil para o Leão Azul Paraense. Seria necessário um grande planejamento visando reverter o quadro dantesco que se apresentava. Sem time; sem dinheiro; inclusive, sem competições  oficiais a disputar, o presidente Amaro Klautau sabia muito bem que estava recebendo um verdadeiro presente de grego da direção anterior. Abelardo Sampaio e Lucival Alencar, sob protestos de alguns azulinos de proa, foram chamados para assumir o futebol remista, com a obrigação de tirar o time do marasmo em que se encontrava. Dentro do que se pensou ser um planejamento apropriado às condições e necessidades do clube, o barco azul veio sendo tocado. Sinomar Naves e contratações foram feitas. Tempo é o que não faltava. Dentre poucos acertos e muitos erros, eis aí  o resultado.

E agora Leão? Está sem discurso, está sem carinho, o dia não veio e tudo acabou. Apesar dos pesares, a vida segue e ainda resta esperança. Você é duro Leão! Você não morre! Reuniões estão sendo realizadas. Giba é a solução? Dispensar é preciso e  certamente dispensas serão feitas, até porque tem jogador  que não deveria nem ter vindo. Pelo menos quinze do atual plantel são plenamente dispensáveis. Sem dinheiro, a montagem de um novo e melhor time levará a observações dentro do nosso próprio universo.  Nada de mais uma vez trazer gato por lebre, pagando muito por mercadoria duvidosa. A torcida  não merece e as tradições do clube precisam ser respeitadas. Um clube com as dimensões do  Remo deve, sempre, se preparar para o papel principal. Chega de ser apenas coadjuvante. Como diz o poeta “a vida é um jogo e cada um joga o que tem”. Mesmo tendo somente a quarta divisão no horizonte, o Remo, a exemplo de 2005, quando foi Campeão da Terceira divisão,  até então a última série do Campeonato Brasileiro, precisa se espelhar em seu lema: o filho da glória e do triunfo não pode se amofinar. Merece uma vida melhor.  E agora Amaro? A bola está contigo e nem a impossibilidade da venda do Baenão pode ser desculpa para mais um fiasco. Afinal de contas, você mais do que ninguém deve saber que governar é administrar problemas e o torcedor azulino quer soluções, não  sofrimento e justificativas vãs! (JOÃO CUNHA)

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

TRÊS HISTÓRIAS E UM DESTINO SERÁ…? (João Cunha)

3 Comentários Add your own

  • 1. Carlos Henrique  |  26 de maio de 2010 às 7:01 pm

    Bem, é impossível de acreditar que esta presidência que ai esta seja tão incompetente ao ponto de não consegui ganhar um único turno do parazão neste ultimo biênio, como pode um time que tenha Gean, Walber e Adriano como titular ser campeão?; ter um técnico (Giba) que nunca foi campeão de nada!; enquanto não for feito um trabalho de base estimo Valdemar Carabina, meu Leão vai continuar a fica de fora de qualquer competição.

    Responder
  • 2. Arlindo  |  30 de maio de 2010 às 12:50 am

    Boa noite
    Desenvolvi um sistema da Rádio Clube para o internauta escutar a mesma em seu PC, o link é este para baixar.
    http://www.arsistemas.com.br/download/rcp.zip
    De essa força ai Guerreiro, pra este paraense que procura também um lugar neste mercado competitivo.

    Obrigado.
    8886-5792

    Responder
  • 3. Leonardo  |  4 de junho de 2010 às 8:04 pm

    Pelo ranking atual da CBF, o Remo pode participar da Copa do Brasil 2011, desde que, pelo menos dois dos seguintes times: Atlético-GO, Grêmio Prudente-SP e Avaí-SC não se classifiquem para a Libertadores 2011, isso se não houver uma alteração brusca na posição do Remo (27º) no ranking da CBF a ser divulgado no final do ano de 2010…

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clube no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: