Archive for março, 2011

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 22.03.11

POSITIVO – Paysandu jogou como time pequeno, venceu como grande e teve dedo do técnico Sérgio Cosme. Foi dia do Mendes. Agora, Mapará e o Açaí estão à mesa bicolor. Mas, todo cuidado é pouco!

NEGATIVO – Clauber Miranda foi bem e anulou acertadamente gol do Cametá. Problema é repetição dos mesmos no sorteio (só dá os sortudos Joelson e Clauber) e CA da FPF ainda aceita vetos dos clubes. Aí é duro!

Lá e Cá

Bem pensado preço de ingressos para quinta (20 arquibancada) e dia 30.3, na Copa do Brasil, no Mangueirão (15). Na decisão do turno paraense cartão tirará Marquinhos do Papão e Cametá trocará Tonhão por Gil.

Michel e Fabrício vão dar o que falar no meio campo do Águia. Gil Bala, André Mensalão e Tetê já no Castanhal, que buscou ainda o goleiro Darlan no futebol amapaense, face cirurgia do suplente Miro.

Dirigentes castanhalenses assaltados em 30 mil à saída de uma agência bancária recuperaram dinheiro num bingo para poucos, onde a cartela custou mil reais.

Marasmo impera no Remo. Rafael Granja agora é lateral direito, enquanto Lucas, ex-lateral azulino, atropela contratações em São Paulo falando mal do clube. Tem pendência ainda na justiça.

Cametá vem hoje para Belém e não se dá por vencido. No Paysandu, preocupando a sucessão de contusões de Sidny.

Rafael Oliveira passou a ter no Paysandu o maior salário do futebol paraense e a mais valorizada multa contratual. Poucos sabem, mas Leandro Cearense (Cametá) e Rafael Oliveira (PSC) estão concorrendo ao Troféu Friedereich, atribuído ao maior goleador brasileiro da temporada.

Presidente Henrique Ribeiro e diretor Armando Tupiassu, da AP, descobriram a pólvora e viabilizaram usina de força para o clube em parceria com a Petrobrás e empresa Stemac.

Empreendimento de dois milhões de reais a custa zero, energia permanente com redução de 30% de custo, capacidade de 2.100 kVA (iluminaria cidade de 60 mil habitantes). Remo e Paysandu bem que deveriam fazer o mesmo para seus estádios

Faleceu a assistente de arbitragem do quadro nacional Syria Flores-AM. Trabalhou em vários jogos em Belém nos últimos cinco anos. Futebol pelada: Padre Eutíquio ganhou de Mengove de 2×1 e agora pega o Santos.

Público total de 8.100 pessoas comprovou segurança do Parque do Bacurau, em Cametá. No Festival Aquático do Mirim ao Sênior a natação do Remo ficou em 1º lugar com 3.073 pontos, seguida da Adesef.

HOMENAGEM – Marcos Roberto Cardoso, o Marcos Garça, ex-goleiro do Guarani-SP, Mogi Mirim-SP, Águia de Marabá e Tuna. Tentou ser técnico, mas se deu bem foi como incorporador imobiliário em Indaiatuba-SP.

22 de março de 2011 at 3:45 am Deixe um comentário

PAPO DO 40º – Ronaldo Porto – 21.03.2011

PAPÃO COM FACA E QUEIJO NA MÃO

Um primeiro tempo e dois gols, mesmo tomando um nos acréscimos, deixou o Paysandu com a faca e o queijo na mão para conquistar a primeira parte do Parazão na quinta à noite. Se a vantagem já era interessante, ficou melhor ainda, pois agora o papão joga com mais tranquilidade no jogo de volta, já que até derrota por diferença de um gol favorece o quadro bicolor. Quem pensava que o Cametá fosse engrossar o caldo do Mapará, saiu decepcionado do Parque do Bacurau e agora a parada ficou mais difícil. O torcedor remista não deve ter reclamado do resultado da partida, que afastou ainda mais o Mapará do título do 1º turno. É sempre bom lembrar que o Cametá é concorrente direto do Remo à vaga da 4ª divisão e a torcida azulina pode até querer vitória do Cametá na quinta, mas, no máximo por um gol de diferença.

ALTA TEMPERATURA

Mesmo tomando um gol numa desatenção da zaga, o Paysandu foi bastante elogiado ontem pelo técnico Sérgio Cosme, principalmente a zaga, que na opinião do treinador, foi o melhor compartimento da equipe. Na verdade, mesmo tomando gols e mais gols a cada jogo, o que não aconteceu nas duas últimas partidas quando só tomou um, o quadro bicolor tem a melhor performance do Parazão, perdendo uma partida fora para o São Raimundo e outra para o Remo no clássico, o que tirou o sono dos bicolores. Depois veio a classificação para a 2ª fase da Copa do Brasil contra o Bahia e a torcida deu uma acalmada. Sérgio Cosme não tem problemas para a decisão da Taça Cidade de Belém, a não ser na lateral direita, mas terá tempo suficiente para decidir quem jogará por lá. No dia 30, talvez já com título do 1º turno, Sérgio Cosme vai encarar o time baiano no Mangueirão no dia 30, e quer uma boa vitória.

BAIXA TEMPERATURA

A nova diretoria do Remo quando assumiu o time, sabia que tinha muitos problemas pela frente, deixados pela diretoria passada, principalmente no que se refere ao time de futebol. Foram apenas quatro jogadores que sobraram das lambanças da era Klautau. Sérgio Cabeça e sua equipe chamaram Paulo Comeli, montaram uma equipe para as disputas do Parazão e até começaram bem, ganhando do São Raimundo. Até o clássico foi vencido com sobras, mas quando o time chegou às semifinais a coisa degringolou. Uma derrota acachapante dentro de Cametá e um empate dentro do Baenão foi o que sobrou de tudo isso. E olha que o 1º tempo da segunda partida terminou 2 x 0 para o Leão, dando a falsa impressão que o resultado de três gols de diferença poderia acontecer na 2ª etapa. A torcida chiou e Paulo Comeli foi buscar reforços. E atacante que faça gols, quando virá?

NO TERMÔMETRO

Se Rafael Oliveira passou em branco ontem em Cametá, Mendes deu conta do recado e ainda fez um golaço; por outro lado, Leandro Cearense, bem marcado, passou também em branco, mas continua na ponta dos artilheiros. /// Fran Costa declarou ontem que vai partir p’ra cima do Paysandu na quinta, pois só a vitória interessa e por diferença de dois gols. Uma coisa é o Remo em desvantagem; outra coisa é o Paysandu na vantagem. Todo cuidado é pouco. /// Por volta das dez da noite de ontem, Rafael Levi conversou com Paulo Comeli por telefone, quando ficou sabendo que somente esta manhã as novidades a cerca de centro avante serão conhecidas. Mas que está difícil está. /// Por falar em Levi, suas críticas contra a Federação de Futebol repercutiram bastante nos meios esportivos. A FPF tenta tirar o seu da seringa e conta com o apoio do presidente Luis Omar, do Paysandu, que declarou que isso seria choro de perdedor. Não custa nada averiguar. /// E as demissões no Remo, quando acontecerão? Pelo menos uns seis atletas não fariam nenhuma falta ao atual elenco. Um torcedor daqueles fanáticos, dizia p’ra mim que seria bem melhor pagar 50 mil para ter Dodô fazendo gols, do que quatro ou cinco “artilheiros” de 15 mil cada um p’ra ficar no come e dorme. Eu concordei, claro. /// E o Vasco desbancou mais uma vez o Botafogo, p’ra tristeza do Edgar Augusto e outros grandes botafoguenses. /// Uma boa semana a todos e viva Jesus!

E-mails:- rporto@supridados.com.br

21 de março de 2011 at 3:31 am 1 comentário

A Bola no Bola – Giuseppe Tommaso – 20.03.2011

PARCERIA 1

Na semana que passou foi assinado o contrato de patrocínio da Big Bem e Claro com a dupla Remo e Paysandu. Iniciativa do empresário Raul Aguillera Filho em parceria com a empresa de telefonia Claro na pessoa de seu diretor regional Marco Aurélio Alves. No coquetel oferecido a imprensa contou com as presenças dos presidentes Sérgio Cabeça (Remo) e Luiz Omar Pinheiro (PSC). O papão já estréia a nova camisa e suas novas marcas no jogo de hoje em Cametá no primeiro jogo da decisão da Taça Cidade de Belém.

CELULAR…

Raul Aguillera Filho aproveitou e anunciou o lançamento dos Aparelhos Celulares da Claro e personalizados de Remo e Paysandu e que estarão disponíveis a partir de abril em todas as lojas Big Bem. Os clubes também serão beneficiados com royalties nos aparelhos vendidos. Bela iniciativa…

VEM AÍ…

Na chamada reta final para o encerramento do primeiro turno, aumenta a motivação do torcedor para eleger os melhores do Parazão. E o Troféu Camisa 13, como incentivador da democracia no esporte paraense intensifica esse incentivo facilitando a vontade popular. Nas semanas que antecedem a decisão da Taça Cidade de Belém as urnas de votação chegaram aos shoppings Pátio Belém e Castanheira. Na foto, momento da instalação da urna na loja Yamada do Pátio que contou com a presença de personalidades do esporte como Elsinho e Tiaguinho do futebol do Remo, Tamires Nascimento da natação da Adesef, Flávio Goiano, técnico da Tuna, o árbitro Andrey Silva e o prof. Raimundo Squires, diretor da Federação de Atletismo. Na próxima sexta feira, 25, vamos conhecer os mais votados com a divulgação da primeira parcial. Além dos pontos fixos de votação na capital e no interior o torcedor também pode votar pela internet acessando o www.trofeucamisa13.com.br

PROJETO “É GOL”

Da Caixa Econômica Federal será lançado oficialmente amanhã dia 21, no Espaço das Caldeiras em São Paulo. O “É Gol” é um título de Capitalização que custará R$ 6,00 e dará direito a participação em sorteios de 97 prêmios de até R$ 500 mil. Bom para Remo e Paysandu que estão inseridos no projeto. A arrecadação referente aos clubes poderá ser utilizada livremente por cada agremiação. Diretor de Capitalização da CEF em Belém, Bira Lima empolgado aposta no sucesso de vendas da dupla RexPa.

“LANÇAMENTO”

Companheiro Paulo Sérgio Pinto rindo à toa com a filha Paula Marrocos, que lança na próxima terça, dia 22, na Boite da Tuna luso-brasileira seu 1º CD Gospel “Pedestal de Glória”. Coquetel começa às 20 horas. Parabéns!

DECISÃO…

Mais que correta do vice-presidente de futebol azulino Raphael Levy em relação ao atacante Ró, de todos ainda acho que é o único que irá vingar com a camisa do leão. Paulo Comeli e Armando Bracali em São Paulo na busca por reforços. Para o ataque Nunes ex-Santo André e Vasco que está no Red Bull é o preferido, mas o salário é muito alto cerca de 65 mil mensais. Ótima pedida, porém salgadíssima…

NA AP…

Presidente Henrique Ribeiro da Assembléia Paraense recebeu na última quinta, associados e imprensa para a inauguração do espaço Boulevard da AP e a Usina Geradora de Energia do clube que ganhou total apoio da Petrobras. A obra considerada uma das mais importantes na história do clube, além do conforto e segurança quando da falta de energia elétrica, vai proporcionar cerca de 30% de economia na conta de luz da AP. Bela iniciativa…

20 de março de 2011 at 12:59 pm Deixe um comentário

LINHA DE PASSE – Rui Guimarães -19.03.2011

Pegou muito mal as acusações do Diretor Rafael Levy a Federação de Futebol na última quinta feira. Para o azulino a entidade Gestora do futebol protege o Paysandu em detrimento do Clube do Remo, citando exemplos, inclusive. Não concordo totalmente com Levy. Aliás, tenho estranhado a postura do Diretor de Futebol do Clube de Periçá, que quando Presidente do Clube sempre manteve uma postura absolutamente equilibrada.
O que ocorre no fundo é que a Federação ficou ofendida pela atitude do Remo em desalojá-la das cabines do estádio Evandro Almeida. Por coincidência, o empréstimo que o Remo obteve na CBF não foi liberado em sua totalidade por falta de lastro e o repasse do Governo do Estado atrasou forçando o papão a recorrer a um empréstimo junto a uma Factoring com aval da FPF. O Remo poderia ter feito a mesma coisa, mas não o fez porque não quis, por isso o choro não procede. Mas o Presidente Nunes se negou a comentar o assunto se escondendo de um problema que é seu e só seu, alegando que o Remo quer transferir responsabilidades. É por isso que eu entendo que o atual presidente da FPF já cumpriu o seu papel. É hora de passar o bastão. Querer apenas o bônus do cargo não me parece o melhor caminho.
LOP aprendeu a lição e não deixou Rafael Oliveira sair do Paysandu. Por que não fez a mesma coisa com Tiago Potiguar? É a mesma situação, não adianta querer dissimular. Tiago foi porque o salário do Clube Coreano era melhor. Rafael Oliveira teve o seu salário ajustado e ficou. Como o discurso bicolor é de que a meta do ano é a subida a segunda divisão Tiago vai fazer falta no Brasileiro.
Ró é hoje o jogador mais a vontade do elenco azulino. Está blindado, como diz o Caxiado, e se for dispensado pode chamar o fato de molecagem. Foi o próprio dirigente do Clube que disse não dispensar o jogador porque o Remo foi buscá-lo no Independente e não poderia largá-lo desempregado agora. Tá, mas o Wellington Silva e o Adriano Pardal também estavam empregados, e eles podem ficar desempregados? Acho que o assunto é mais extenso. Comelli já não é a unanimidade de antes na Toca Azul.
Águia contratou seis para o segundo turno. Tuna não quer reforços a princípio. São Raimundo vai ficar com o elenco que tem para tentar apagar a má impressão. Castanhal está a cata de jogadores apontados por Valtinho. O Independente dispensou cinco e está de olho em reforços. Esse é o balanço dos Clubes em tempo de inatividade. O Remo, que também está parado, busca um Centro Avante a qualquer preço. Por preço limitado.
Falar nisso, Remo e Paysandu ganharam novo patrocinador esta semana. São 45 mil reais a mais nos cofres a partir deste mês. Não dá para contratar um Centro Avante ou um Zagueirão para arrumar as casas? Essa transparência a torcida cobra. O que é feito com o dinheiro ganho mensalmente pelos Clubes? Se somadas as receitas, são mais de 500 mil mensais para administrar cada um deles. É verba suficiente para, com bom senso e conhecimento do metiê, tocar o barco tranqüilo.
Há esportes amadores em nosso Estado que precisam do apoio incondicional do Governo e dos grandes empresários. É só ter sensibilidade e utilizar os benefícios das Leis que aí estão. O Baskete para olímpico viajou com duas delegações – masculina e feminina – para uma seletiva brasileira. O Box classificou dois jovens para o pan americano. Um garoto de qualidade diferenciada em ginástica olímpica pede ajuda para desenvolver mais seu potencial. O Futsal tem decisões do interior e da capital e ainda uma delegação fazendo bonito na categoria sub 15 fora do estado. Ufa! Somos todos míopes ou falta boa vontade para ajudar investindo, não gastando?
Rui Guimarães

19 de março de 2011 at 1:18 pm 1 comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 18.03.11

POSITIVO – José Reis, do Departamento de Natação do Remo: “nosso trabalho é transparente, funcionários recebem em dia, temos equipe técnica qualificada, são 150 bolsistas carentes e atletas só viajam bancados quando apresentam bom rendimento de competitividade”.

NEGATIVO – Relação FPF x Clube do Remo é a pior possível. Diretoria desativou até local do Baenão antes usado pela FPF.

Lá e Cá

Raphael Levy: “existe má vontade da FPF com o Remo. Cúpula da entidade é voltada para beneficiar os interesses bicolores”. LOP: “Levy quer transportar para a Curuzu a crise do Baenão”.

Paulo Romano (FPF): “Levy quer arrumar culpado para o fracasso do futebol do Remo no 1º turno”. Presidente Nunes (FPF), procurado, não quis se manifestar.

Bahia e Federação Baiana impondo junto à CBF jogo da Copa do Brasil no Mangueirão, alegando segurança, gramado, transmissão ao vivo de TV e condições de transmissão para seis emissoras de rádio da Boa Terra.

Chuteira com qualquer tom azul claro proibido no Baenão. Que o diga o lateral Marlon. O atacante Max JARI (agora no Castanhal) já havia recebido admoestação sobre isso.

Del Francy e Paula, irmãs de Ganso, ao lado de Frank, Jorge Luiz Rodrigues (filho) e Mateus Mangabeira têm assistido todos os jogos do craque após sua volta em apartamento na 14 de março (Nazaré).

Do atacante Mendes: “nunca saí tanto para marcar em toda minha carreira como faço agora no Paysandu. E com satisfação”.

Complemento (600 mil) do empréstimo do Remo junto à CBF não sairá por falta de lastro garantidor com a redução da verba governamental. Azulinos, se quiserem, terão de se contentar com mais 200 mil e pouco.

Patrocínios de Remo e Paysandu chegaram ao patamar de 365 mil cada. Bem administrados dá para fazer coisa melhor do que se vê agora!

“Semana da Conscientização do Autismo” terá sessão especial na Assembléia Legislativa dia 31.3, 9 horas. Nesse dia começarão as palestras e workshops sobre tão delicado assunto. Contatos 99949864-32745430.

Até antes das finais do turno, em 2010, foram 103 gols em 32 jogos e média de 3,21. Este ano são 177 em 34 partidas e média de 3,44 (data Japa). No futebol amador Comercial recebendo Sub-17 e Sub- 20 do Paysandu, no Manelão, hoje, a partir de 8:30h

Amigos Gérson e Soane festejando hoje, na Rua Pires Teixeira, Alameda Futuro, no Mosqueiro, os 15 anos da encantadora Gerlane Nayara.

HOMENAGEM – Flávio Almeida da Fonseca, o Flávio, ex-centro avante do Inter-RS, Corinthians, Seleção Brasileira, Fluminense, Porto de Portugal, Santos e Paysandu, entre outros. Trabalha no projeto “Craque de Sempre”, em São Paulo.

18 de março de 2011 at 3:31 pm 1 comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 17.03.11

POSITIVO – Parceria com futebol norte-americano fazendo surgir em Belém o Tuna Titans. Castanhal em parceria com a SEDUC para futebol de base. Verba do Governo será para premiação no PSC, se ganhar turno.

NEGATIVO – FPF confirmou Jogo de volta da decisão do turno dia 24.3, na Curuzu, a pedido do Paysandu, o que certamente não faria se a solicitação fosse cametaense. E bicolores vão ter bloqueio de renda e leilão da sede.   

Lá e Cá

Domingo, 9 da manhã, no Ginásio Moura Carvalho, o evento “Arremesso no Tempo”, da velha guarda do basquetebol do Paysandu (à frente o Pelé). Confraternização, competição e muitas homenagens.

Folha do Cametá é de 80 mil reais. Média de público do Remo no Baenão de 8.821 pagantes. Leão brigará no segundo turno não só com Papão e Mapará, mas com os reforçados Águia, Castanhal e São Raimundo.

Paysandu e Remo não decidem título do Parazão desde 2008 quando deu Leão. Deputado João Leite, amigo de Galvão, interferiu para banco mineiro patrocinar o Águia. Médico do Cametá é João Peres Neto.

Grupo de Apoio ao Paysandu – GAP vai começar revitalizando toda a pintura da Curuzu. Confirmado para Belém, dia 15 de maio, o GP Internacional Governo do Estado de Atletismo. Não é o GP Caixa.

Tanto lateral direito já passou nos últimos anos no Paysandu e Remo e poucos se comparam a Américo, do Cametá, descoberto por Fran Coista no Abaeté. Monótona reapresentação do Leão ontem e portões fechados.

No futebol brasileiro o que mais tem é filho de técnico como empresário e tome a empurrar jogador onde o papai trabalha. É duro!

Domingo se enfrentarão os melhores ataques do Parazão e os principais artilheiros do Brasil (Rafael e Leandro). Aliás, Leandro Cearense interessa também a Fortaleza, ABC e Vila Nova-GO.

Futebol pelada: sábado próximo o DDC enfrentará o Mancha, o Padre Eutíquio ao Mengove e os Corruptos tentarão de se reabilitar da derrota para o Sport Cana (3×0) frente o Panelinha.

Cumprimentos à grande amiga Ariceli Almeida colando grau em Recursos Humanos, pela UNIP, sábado próximo, 19h, no auditório da UEPA.

Justiça seja feita: só o presidente Sérgio Cabeça não tem culpa alguma da derrocada azulina no 1º turno. Deu carta branca ao pessoal do futebol que pisou na bola feio!

LOP não deu bola para reunião do CD do Paysandu, colocou todo mundo no saco, amarrou a boca e foi singrar nos rios da Amazônia. É forte, não tem quem o enfrente e dirige o Papão como bem entende.

HOMENAGEM – João Carlos Batista Pinheiro, o ex-zagueiro Pinheiro, que atuou no Fluminense (17 anos) e Seleção Brasileira (Copa de 1954). Foi técnico do Clube do Remo. Trabalha no projeto Farmácias Populares-RJ.

17 de março de 2011 at 2:53 pm 1 comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 16.03.11

POSITIVO – SEJEL levando ginástica aeróbica a partir de hoje, 19h, e toda quarta feira à Praça Brasil. Por outro lado, Ganso vem aí com a Seleção.

NEGATIVO – Natação do Remo relegada e reclamando da atual diretoria.

Lá e Cá

Ecos da eliminação azulina: fala-se que houve “Maparaço” no Baenão. Leandro Cearense marcou cinco gols em três jogos contra o Leão. Azulinos tomaram nove tentos do Cametá. Leandro Cearense tem só um gol a menos que todo plantel remista.

Débito maior é para Comelli que subavaliou jogadores locais e indicou sete avançados sem condições. A insistência com Pardal no jogo todo segunda deu o que falar. Cinturão de aço perdeu brilho da fivela.

Torcida Fenômeno Azul não merece o time que tem. Cota azulina segunda foi maior que toda renda do jogo do Paysandu domingo. Dupla RE-PA sem disputar turno perde 800 mil reais. Do time do Mapará de segunda, só Américo, Rubran, Mocajuba e Leandro Cearense não passaram no Baenão.

Ano passado o Leão perdeu 1º turno para o Paysandu e returno para o Águia. Preparo físico azulino deixou a desejar nas duas partidas com o

Mapará. Atacante Wellington Silva é um mistério no Baenão. Orelha de Comelli já arde bastante e começaram contestações internas a ele.

Outras notícias: empresário de Leandro Cearense é o ex-jogador Almir Conceição e de Robinho o também ex-jogador Renato Mineiro.

Robgol cuidando da construção da academia do Paysandu e do novo estacionamento da Curuzu, ajudado por colaboradores. Papão pedindo antidoping para domingo. Desconfia de jogador que vai contratar!

Domingo em Cametá 8 mil ingressos à venda e renda para R$ 110.250,00. Leandro Cearense, rejeitado na base da dupla RE-PA e subavaliado por Comelli estava como guarda de segurança em Castanhal até ser descoberto pelo Santa Rosa e depois chegar ao Abaeté e Cametá.

Aplausos para os diretores de campo do Remo pela boa condição do gramado do Baenão. Contratações no Leão: atraso de um turno inteiro. No Papão, dispensado zagueiro Laranjeira passando necessidade.

Médico do Cametá tem tudo a ver com família tradicional da Terra dos Romualdos: Nonato Peres Neto. Paysandu quer jogo de volta, na Curuzu, dia 24.3, face Copa do Brasil dia 30.3. Depende da aceitação cametaense.

Alessandro, meia de 15 anos e que estava na Tuna seguindo com seu pai Alex para Sub-17 do Figueirense. É neto do saudoso Celso Jovino.

Bem cauteloso com o sucesso do surpreendente Cametá, Paysandu programa viajar sexta-feira rumo à terra do Mapará. Azulinos terão agora de ser bicolores desde pequeninos mesmo escondidinhos.

HOMENAGEM – Uidemar Oliveira, o Uidemar, ex-volante do Goiás, Botafogo, Flamengo, Fluminense, Seleção Brasileira e Paysandu (1999). É o novo técnico do Penarol de Itacoatiara-AM.

16 de março de 2011 at 12:40 pm Deixe um comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 15.03.11

POSITIVO – Técnico Valter Lima redimensionando o Castanhal para o 2º turno. Haverá médico e fisioterapeuta cedidos pela Secretaria Municipal de Saúde. Novo assessor de imprensa é Cláudio Brito. Sucesso!

NEGATIVO – Estou sentindo clima de beligerância para reunião de hoje do CD do Paysandu. Cobranças e pontos de vistas devem ser expostos, mas com civilidade, pois o clube tem de estar acima de tudo. Juízo!

Lá e Cá             

Meu neto nascituro Caetano premiado com camisa autografada da Seleção Brasileira do craque Ganso, em São Paulo. Aliás, mesmo com proposta 500 mil mensais para renovar, Ganso mandou Santos esperar.

Robgol instalando em Belém escritório de agenciamento de jogadores e vai trabalhar basicamente com a prata de casa. Acha que aqui o potencial é fortíssimo.

Assis, irmão de Ronaldinho Gaúcho, vem a Belém para apresentar um projeto viável ao futebol do Paysandu. Vila Nova-GO avaliando Billy. Técnico Sérgio Cosme anda esquisitão na Curuzu.

OAB-PA lançou ontem 1º Circuito de Corridas dos Advogados do Pará, este ano abrangendo Ananindeua, Marabá, Santarém, Paragominas e Belém.

Águia não terá Ley e Charles para estréia no returno contra a Tuna, aqui. Novos reforços vindos de Goiás. Independente começará 2º turno sem zagueiro Marraquete, em Tucuruí, diante do Cametá.

Área do antigo Carrossel pretendida por empresa nacional para exploração comercial é receita segura do Remo. Foi resgatada pelo antigo presidente AK depois de 30 anos.

Jogadores mais conhecidos do Bahia: Dany Moraes, Robert, Boquita, Lulinha, Souza, Jancarlos e colombianos Mosquera e Tressor Moreno. PSC x Bahia, pela Copa do Brasil, será na Curuzu (risco!). Ingressos a 25 e 60.

Ramon, volante do Remo, tem histórico de expulsões seguidas nos últimos três anos: em 2009, Castanhal 2×1; em 2010, 1×1 com o Paysandu; este ano, em Cametá, 4×1 para o Mapará. Precisa se acalmar!

Futebol pelada: zagueiro André Ricardo retornou depois de dois anos fazendo os dois gols do América-PV no empate de 2×2 contra o Santo André. Sábado próximo adversário será o Realmatismo.

Volante marabaense Chicão, ex-Remo e outros clubes brasileiros, o cão de guarda no Botafogo de Ribeirão Preto-SP. Técnico do Santo André no Paulistão é Sandro Gaúcho, ex-atacante do Paysandu.

HOMENAGEM – José Maria Chama Pinto, o Chaminha, ex-ponta esquerda do Remo e Seleção Paraense nos anos 60, conhecido pelo chute forte em velocidade e categoria para cobrar faltas. Depois de 55 anos na FAB e Infraero se aposentou ontem.

15 de março de 2011 at 4:09 am Deixe um comentário

PAPO DO 40º – Ronaldo Porto – 14.03.11

E O PAYSANDU ESTÁ NA FINAL

Mesmo com as últimas crises dentro do Paysandu, o time bicolor respondeu bem dentro de campo ontem e enfiou 3 x 1 no Independente, afastando toda e qualquer possibilidade de tomar um choque do Galo Elétrico. O empate de 3 x 3 na primeira partida deixou o Paysandu tranquilo para o jogo da Curuzú. E vocês pensam que a torcida saiu satisfeita com a classificação? Parte da galera, a chamada parte xiita, saiu reclamando bastante, principalmente depois do gol tomado. Mas o Paysandu não ganhou e se classificou? Ganhou e classificou, mas a torcida não esqueceu ainda a derrota para o Remo, os gols sofridos a cada partida pela zaga e mais recentemente a saída de Tiago Potiguar, o melhor jogador do time. Imaginem se o time estivesse perdendo e fora da final do turno.

ALTA TEMPERATURA

No meio da semana, numa programação fora do normal, onde a Federação marcou jogos decisivos numa época pós-carnaval em plena quarta de cinzas, o Independente não conseguiu a vantagem que queria contra o Paysandu, mas o Cametá fez a festa e aproveitou a vantagem de jogar em casa num campo bastante enlameado e alterou a história da decisão contra o Remo. Fez quatro gols, tomou apenas um e abriu vantagem para a partida desta noite no Baenão. Se o Paysandu soube segurar o Galo e se classificou bem com a vitória de ontem, o Remo na quinta se atrapalhou com o Mapará, tomando quatro gols numa única partida, o que não tinha acontecido até então. Dos sete gols tomados até agora, o Cametá foi o responsável por seis, o que credencia o Mapará como favorito para o jogo de logo mais.

BAIXA TEMPERATURA

 

E hoje à noite no Baenão a parada será mais indigesta para o Clube do Remo, depois do vacilo de quinta-feira dentro do Parque do Bacurau, em Cametá. Vacilo que lhe tirou a vantagem, vacilo que acabou com a sua invencibilidade e vacilo que pode custar muito caro. A zaga remista que só tinha levado três gols em todo o campeonato resolveu abrir a porteira num jogo e tomou quatro do valoroso Cametá, deixando a classificação para a final bem mais distante. Agora, hoje à noite terá que vencer o time do interior por uma diferença de três gols, coisa que não é impossível, mas aqui p’ra nos, muito difícil de acontecer. Ao que parece a galera está acreditando no milagre, bem como os próprios jogadores e comissão técnica, mas que é muito difícil é. Ou não é?

NO TERMÔMETRO

Mesmo com o time classificado para a final, o caldeirão vai ferver na sede do Paysandu amanhã à noite. Reunião do Conselho bicolor vai analisar a venda de Tiago Potiguar para o exterior. De um lado o presidente Luis Omar; do outro Ricardo Resende, o calo de LOP. /// Acesso o sinal amarelo dentro do Baenão antes da partida de logo mais. Ou o Remo vence bem e se classifica para a final contra seu maior rival, ou teremos mudanças por lá. Alguém duvida? /// Saiu a lista da convocação da seleção brasileira que vai disputar o 11º Mundial de Basquetebol Masters (idade entre 55/59), e o amigo e paraense Paulo Seráfico está lá, como um dos armadores convocados. Puro merecimento. /// A diretoria de futebol do Remo pensou em pedir exame antidoping para o jogo desta noite; teve gente achando que alguns jogadores do Cametá estavam muito “ligados” no jogo de quinta passada. Não seria melhor achar que alguns jogadores do Remo estavam “desligados”. /// Na verdade, ou o ataque do Remo funciona pela primeira vez neste campeonato ou a vaca, ou melhor, o Leão vai p’ro brejo. Ficar de fora de duas partidas contra o Paysandu na decisão da Taça Cidade de Belém é prejuízo certo. Mais que a vitória classificatória, a diretoria pensa na série D deste ano e o Cametá já é concorrente. /// Uma boa semana a todos e viva Jesus!

E-mails: rporto@supridados.com.br

14 de março de 2011 at 12:29 pm Deixe um comentário

A Bola no Bola – Giuseppe Tommaso – 13.03.11

CONVOCAÇÃO…

Saiu a convocação da Seleção Brasileira que irá disputar o “11º Campeonato Mundial de Basquete Master”, no período de 23 de junho a 4 de julho na cidade de Natal. Pela primeira vez teremos um paraense na categoria 55/59 anos, é o ex-ala bicolor Paulo Seráfico. Comunicado da Federação Brasileira de Basquetebol Master direto para APBM. Puro merecimento…

“BASTIDORES”

Enquanto não chega a hora, nos bastidores já está sendo formada uma equipe de trabalho visando as eleições na Federação Paraense de Basquete, é oposição pesada. O Dr. Alberto Maia é quem vai comandar o jurídico. O bicho vai pegar…

ESCLARECIMENTO

Quanto a falta de prestação de contas de sua última gestão na Aclep, o ex-presidente Ferreira da Costa comunica. A prestação de contas do período de 01.03.2009 a 28.02.2011, está sendo providenciada e será submetido à apreciação do Conselho Fiscal da Aclep até 30.04.2011 e em seguida  será encaminhada à presidência da assembleia geral aclepeana. Tudo como manda o Estatuto. Ferreira garante que passou a instituição ao novo presidente Geo Araújo com todas as contas pagas, funcionários em dia e com faturamento certo para este mês de março. A única dívida é a longo prazo, com parcelamento do INSS e FGTS em 60 meses de um funcionário (o caseiro). Tá esclarecido…

BOLICHE…

Dividido em dois grupos, a Fepabol finalizou as disputas da “IX Taça Cidade de Belém”, disputado em 4 rodas num total de 24 partidas. Campeão do grupo A, Zeca Miranda da AP e do Grupo B, Kazuo Kamizono do Remo. Presidente da Fepabol germano leão, avisa, vem aí o Campeonato Paraense de Duplas, a partir de 20 de março.

“REUNIÃO”

Do Conselho Deliberativo do Paysandu marcada para a próxima terça-feira, promete temperatura bem quente. Evidente racha entre Ricardo Rezende e Luiz Omar Pinheiro divide os bicolores e saída de Tiago Potyguar será estrela da pauta. Valor do empréstimo citado de 150 mil dólares pode não ser verdadeiro, seria muito mais que isso. Vamos saber que vai estar com o saco amarrado na boca?

ACADEMIA…

Se no Remo o técnico Paulo Comeli tomou a iniciativa da construção da nova academia da Toca do Leão, o Vereador Vandik Lima é quem vai comandar a construção do novo espaço para uma nova academia na curuzú. Vandik já tem o apoio de outros vereadores bicolores como Adalberto Aguiar, Raimundo Castro, Walter Arbage e a colaboração do sempre presente Moises Moreira dos Santos, a empresa Leal Moreira já garantiu cerca de 200 sacos de cimento. É só a primeira etapa, a compra dos equipamentos é posterior.

“ALERTA”

Derrota em Cametá põe toda diretoria de futebol azulina de antenas ligadas, todos sabem que será uma “missão” reverter a vantagem do Mapará amanhã no Baenão, porém não jogam a toalha e contam a presença do torcedor. Pra começo de conversa time terá três atacantes. É um “replay” do ano passado e caso não consiga o título do 1º Turno mudanças deverão ocorrer e novas contratações acontecer. Presidente Sérgio Cabeça já deu o sinal…

RAMON

Precisa urgentemente de achar o caminho do equilíbrio, pois futebol ele tem. Se não vejamos, a sequência de expulsões em jogos decisivos, em 2009 contra o Castanhal, ano passado no empate contra o Paysandu e a de quinta em Cametá. Tem algo errado…

13 de março de 2011 at 9:39 pm Deixe um comentário

Posts antigos Posts mais recentes


Clube no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.