COLUNA MEIA CANCHA – 01.09.2012 – Rui Guimarães

1 de setembro de 2012 at 1:59 pm Deixe um comentário

Fofocas e Notícias 

Quinta feira de muita comemoração, fofocas e notícias na AP. O Palmeiras ganhou no Super Masters ao comando de Naif Daibes e após haja papo. Falou-se, por exemplo, que não é verdade que os dois diretores da Unimed, Gonçalo Brandão e Aldemar Barra sejam candidatos a presidência de Paysandu e Remo, respectivamente. Contudo, Hamilton Gualberto garante que o Grupo de Ubirajara Salgado está articulando e Barra será candidato sim nas eleições remistas. Fernandinho Guimarães vota em Ambire Gluck Paul se candidato a presidente do Papão e garante que é ele o candidato da situação. Naif Daibes não acompanha Guimarães, mas é contrário a Wandick Lima, só não declarou qual o seu preferido. Albany Pontes por pouco não “estrangula” Fernando queixinho nos vestiários do Remo após o jogo contra o Vilhena. Tudo porque Ratinho doou uma camisa de jogo a um amigo, com ordem de Pontes, e o queixinho diretor de material não gostou. Toninho Assef acusou Fred, assessor da presidência do papão de meter os pés pelas mãos no dinheiro do clube, inclusive dando detalhes do destino dos valores recebidos pela venda de Rafael Oliveira. Por pouco não vão aos tapas. Givanildo Oliveira está a beira de um stress na curuzu (Já?). Não obedece uma única ordem de Louro e só se dirige ao presidente, quando este está em Belém. A boca pequena fala-se que um insucesso amanhã, provocará água no barco bicolor. Ricardo Rezende quer ser Grande Benemérito sem ter tempo probatório ao contrário de Rui Sales que, muito vivo, preferiu fugir do vexame e retirou sua candidatura. No Remo a briga é de foice com maior concorrência do que para vestibular de Medicina na UFPa. Há 17 para uma vaga de Grande Benemérito. Quanta vaidade boba. Comentário sobre Alceu, o mais novo contratado remista: laranja madura na beira da estrada ou tá bichada ou tem marimbondo no pé. E por aí foi…

Dá pra Leão, Papão e Águia? 

Minha opinião é que o Águia terá imensa dificuldade mesmo jogando em casa, hoje a tarde. Galvão confia na zaga e vai mexer no meio campo, onde acredita, esteja a vulnerabilidade do time. Por isso o Azulão tomou 11 gols em dois jogos. É bom lembrar que o time Marabaense tem Perema e Bernardo como reservas da defesa. O Remo terá menos dificuldade que seu maior rival em Cuiabá. Só me incomoda, contudo, que Marcelo Veiga insista em 3-5-2 num elenco ainda desconhecido para ele. O retorno de Diego Barros é alentador, bem como Jonathan e Reis. O Remo deve jogar precavido, mas sem abrir mão dos contra ataques velozes. Cassiano e Marcelo Maciel seriam importantíssimos como opções. O Paysandu tem a pedreira: Givanildo prefere o conservadorismo e não vai arriscar. Deve ter um time retrancado, esperando a hora de dar o bote. Tiago Potiguar vai aparecer no meio campo e Heliton no ataque ao lado de Rafael Oliveira. Claro que assim o time está pronto para contra atacar. Mas do meio para trás, quem vai marcar? Harisson não tem essa habilidade e Potiguar só cerca. Talvez Ricardo Capanema, pelas características de jogo, fosse mais útil do que Leandrinho ou mesmo em lugar de Vanderson, se houver coragem de abrir mão da sua experiência. Se empatarmos as três estarei satisfeito.

Jogando para a Torcida 

A Nota enviada pela presidência da Federação Paraense ao Presidente da CBF repudiando a exclusão do Norte na Copa do Brasil sub 20 é oportuna, mas não tem consistência. Simplesmente lamentar e pedir explicações, “mesmo que negativas” é antecipar uma conformação com a resposta seja ela qual for, e não deveria ser assim. Certa vez, quando Hélio Gueiros era Governador quiseram trazer um lixo atômico para o Estado. Ele foi à imprensa e disse que mandaria o lixo de volta tão logo chegasse aqui. E o lixo não chegou. Quando o Banco Central interveio no Banpará ele não aceitou os diretores apontados por Brasília e colocou quatro entre seis na diretoria. É assim, com firmeza, que se responde aos algozes. O Norte tem oito votos num universo de 27 para eleger o Presidente da CBF, é quase 30%. Por que não usar esse trunfo?

Entry filed under: Uncategorized.

Remo leva desvantagem em confrontos contra mato-grossenses (Adilson Brasil) 31.08.12 A Bola no Bola – 02.09.2012 – Giuseppe Tommaso

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clube no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: