Coluna do Gerson Nogueira – 29.08.13

29 de agosto de 2013 at 3:24 pm Deixe um comentário

Antes tarde do que nunca

Quando o campeonato estadual terminou, Aleílson, o artilheiro da competição com 13 gols, foi cogitado para defender os dois grandes clubes da capital. No Paissandu, o gerente Oscar Yamato até incluiu o jogador na lista de prioridades, mas a diretoria optou por deixar de lado o atacante do Paragominas. Preferiu se concentrar em nomes mais estrelados, que tivessem um impacto maior junto ao torcedor.

E aqui cabe isentar os dirigentes, pois o torcedor (nem todos, mas uma minoria estridente) costuma exigir exatamente isso: contratações bombásticas, preferencialmente de nomes conhecidos e badalados. Não é exatamente o caso de Aleílson, um atleta regional que fez carreira em equipes medianas, embora tenha passado até pelo Flamengo há três anos.

Não ajudou nada a troca de técnicos no Paissandu, pois Givanildo Oliveira não avalizou a vinda do goleador do Parazão, sendo seguido por Arturzinho, que admitiu nem conhecer o jogador. Felizmente, mesmo com significativo atraso, o clube decidiu acertar com Aleílson, depois de observar que os demais atacantes do elenco não correspondiam às expectativas depositadas.

Apesar de bem menos credenciado, Aleílson encaixa-se como luva na atual formação do Paissandu, onde há a carência clamorosa de um atacante de velocidade, que saiba cair pelos lados da área. Acima de tudo, ao contrário de outras contratações recentes, ele chega pronto para entrar em campo, sem necessitar de prazo de recuperação ou condicionamento.

Aliás, caso seja necessário – e a regularização no BID seja confirmada –, Aleílson já pode estrear contra o Bragantino, sábado. Nas circunstâncias, precisando desesperadamente pontuar, Arturzinho talvez faça exatamente isso.

Assim que o acerto com o jogador foi confirmado surgiram dúvidas quanto à posição do técnico, mas o próprio Arturzinho desfez isso, elogiando a aquisição. Cabe observar, porém, como Aleílson será aproveitado no ataque alviceleste. Por suas características, pode ser aproveitado como o atacante mais avançado, tendo Iarley como co-piloto, mas também sabe trabalhar a bola e atuar como meia-atacante, aproximando-se do centroavante.

Tem, acima de tudo, habilidade e rapidez para puxar contra-ataques, situação que normalmente se apresenta em jogos fora de casa. Por todas as razões expostas, o ex-jogador do Paragominas pode ser o ponto de referência da nova arrumação ofensiva do Paissandu na Série B. Sem dúvida, um grande negócio.

Leão vive semana movimentada

O Remo entrará, a partir de segunda-feira, em nova era. O presidente Zeca Pirão será formalmente entronizado no cargo, passando a poder assinar pela presidência do clube. Ao mesmo tempo, Maurício Bororó deverá ser eleito vice-presidente.

No dia seguinte, acontece o coquetel de lançamento da parceria com a Ambev, que vai permitir a reforma geral no estádio Evandro Almeida, incluindo o novo gramado, a construção de camarotes e cadeiras especiais e a implantação de placas de acrílico em torno do campo.

Na ocasião, será apresentada a maquete do novo Baenão, cujas obras devem ser finalizadas até dezembro. Além disso, o clube se prepara para efetivar o projeto sócio-torcedor, ofertando vantagens nas compras de mais de 600 produtos.

Para coroar a semana, na quarta-feira, no Mangueirão, o time sub-20 estreia na Copa do Brasil da categoria contra o Vitória. Expectativa de 20 mil pagantes para prestigiar a reforçada equipe remista.

Fazia tempo que o clube não vivia uma efervescência tão grande, motivada pelos novos ventos que sopram desde que foi aprovada a eleição direta para presidente em 2014. Sem esquecer a entrada em cena de novos diretores, convidados pelo atual gestor, Zeca Pirão.

Técnica e raça sacodem a Copa BR

Caso mantenha a voltagem emocional dos jogos entre Atlético-MG x Botafogo e Flamengo x Cruzeiro, a Copa do Brasil deste ano será uma das mais vibrantes de todos os tempos. Em BH, atleticanos e botafoguenses fizeram um duelo empolgante e equilibrado. No Rio, a raça superou os limites técnicos e impôs o Flamengo nas quartas de final. Certeza de duelos arrepiantes entre Fla e Bota nas próximas semanas.

E ainda há Grêmio, Corinthians, Atlético-PR e Goiás na outra chave da competição.

Direto do blog

“Ainda resta muita gente boa no PFC, que poderia envergar o manto celeste. Por exemplo, o Fabrício, que é da casa e está comendo a bola. É preferível aturar a mulekagem do Fabrício que a trairagem de alguns. Booooora, Vandick! O Pé de Anjo tem rodagem internacional até, leeembra? E tem vaga nesse time; repatria logo o atleta, Vandick!”.

De Silas Negrão, um defensor dos reforços nativos.

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 29.08.13 Coluna do Gerson Nogueira – 30.08.13

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clube no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: