Archive for janeiro, 2012

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 31.01.12

POSITIVO – Felizmente eu estava certo sobre Bartola. Impressionou toque de bola dos pequeninos bicolores Bartola, Héliton, Robinho, Picachu e Jairinho. Nada de empolgação, mas foi bom para futebol paraense!

NEGATIVO – Com todo respeito a Diego Barros, mas Sinomar precisa repensar sobre o “intocável” zagueiro azulino: está mal, compromete Sosa, falhou em Cametá (gol do Hállyson), nos dois tentos do Paysandu e anda batendo muito. E o Igor João voando!

Lá e Cá

Para ajudar técnico Sinomar Naves cartões tiraram irregular Balu e Diego Barros contra a Tuna em jogo de muita pressão ao Leão. Time ideal pro futuro: Jamilton; Tiago Cametá, Sosa, Igor João e Panda; Felipe Baiano, Alan Perterson, Betinho e um meia a contratar; Jaime e Marciano.

Carlinhos Dornelles começou a dar lucro ao Paysandu: seu voto segurou Nad (técnico quebra tabu) quase demitido por açodados às vésperas do “Clássico Rei”.

Utilizar Jaime só aos 33 minutos do segundo tempo, dando preferência ao atrapalhado Cassiano é dose. Já dizia o saudoso Carlos Cidon: “Deus inventou o futebol e o Diabo o técnico”.

Pela primeira vez mostrado mosaico em nossos estádios, o do “Fenômeno Azul”. Torcida do Paysandu respondeu com a maior bandeira do Brasil.

Recorde do bicolor Bartola (17 anos): mais novo atleta do nosso futebol a jogar um RE x PA oficial. Público pagante no Mangueirão (26.706) o maior do país na domingueira, mesmo com TV ao vivo (tira 30%). Ainda assim a Vênus Platinada ignorou!

Custo do lanche para 1.799 pessoas de serviço no Mangueirão, inclusive 960 PM dava para bancar ágape em qualquer casa de eventos de Belém para 400 pessoas (R$ 18.051,00).

Ex-jogador Rogério Belém submetendo-se a estágio como treinador no Grêmio-RS, onde também jogou.

José Ângelo Miranda (vice da FPF) autorizou entrega da bola do jogo ao excelente árbitro Joelson Cardoso. Financeiro da FPF queria 300 reais para liberar. Marcelo Ramos carregou na agressão de Evair, em Santarém

Secretário de Obras de Marituba, Eng. Pedro Paulo Magalhães Bezerra, esperando dirigentes de Remo e Paysandu para tratar de CT. Papão já vai lá hoje.

Sinal dos tempos: ex-ídolos Ronaldo e Adriano reservas de luxo. Direção de futebol do Remo deve “apertar” mais Sinomar Naves. Está passiva!

Resultados: Bola Presa 5×5 Regulex, Pe. Eutíquio 3×2 Boaventura, Mapuera 2×2 Pirata, Vila Teta 3×2 GDO, Amigão 2×4 Dínamo, Urucubarca 1×0 São José, América PV 6×0 Papãozinho, Pumas Ita 4×4 14 de Abril e CFP 1×0 Peladeiros do Guamá.

HOMENAGEM – Roberto Atalaia, que era conhecido como Roberto Sacramento, ex-zagueiro do Remo e Tiradentes. É funcionário do INCRA na unidade de Paragominas.

31 de janeiro de 2012 at 5:25 am Deixe um comentário

PAPO DO 40º – Ronaldo Porto – 30.01.2012

CLÁSSICO DE CASA CHEIA

Como é bonito ver o Mangueirão lotado, as torcidas fazendo a festa, vibrando com o clássico de número 710 entre Remo e Paysandu. Fora algumas disputas nas arquibancadas entre “marginais”, travestidos de torcedores, a vibração era contagiante. O primeiro tempo foi quase todo bicolor, com oportunidades perdidas que poderiam fazer falta depois; a mais clara delas foi desperdiçada por Robinho. O Leão teve apenas uma boa oportunidade, jogada fora por Joãozinho. Para o segundo tempo, Nad e Sinomar modificaram suas equipes e, de cara, a mudança feita pelo treinador bicolor surtiu efeito, pois Helinton, que substitui Carirí, no primeiro minuto da etapa complementar recebeu a bola e aplicou o drible da vaca em Diego Barros, cruzando para o gol de Leandrinho. Vibração na metade do Mangueirão e o Leão precisando acertar o passo para manter a invencibilidade.

ALTA TEMPERATURA

Se no 1º tempo o goleiro Jamílton do Remo foi o destaque do jogo, no 2º o destaque foi o bicolor e ex-azulino Helinton, ele que vinha capengando no campeonato. Entrou, deu um belo passe para o gol de Leandrinho e ainda marcou o segundo gol, fechando o caixão azulino. Helinton, o nome da fera, que o ex-presidente remista Amaro Klautau deu de presente ao time bicolor. Até hoje ninguém entendeu essa bondade.

BAIXA TEMPERATURA

A Polícia Militar e entidades que participam da organização de um Re x Pa bem que tentam, mas não conseguem diminuir ou acabar com a infiltração de alguns marginais nas torcidas. Antes da partida, fora do Mangueirão, algumas cenas de violência; na hora do jogo, na divisória das torcidas, o pau cantou na casa de Noca. Até quando?

NO TERMÔMETRO

A vitória da Tuna por 3 x 1 diante do São Francisco de Santarém, segurou o emprego do treinador Charles Guerreiro, além de colocar a Águia do Souza no G4. Agora vem o clássico contra o Remo no meio de semana. /// Já Cametá e Águia empataram sem gols no Parque, o que deu a liderança do 1º turno ao time marabaense. O Cametá que precisava vencer em casa para virar líder, manteve-se no G4 com o empate, de maneira muito cômoda. A próxima rodada vai ser importantíssima para definir os quatro que decidirão o turno. /// Helinton salvou o emprego do Nad, que se perdesse o clássico iria retornar para a base. Na verdade, Nad escalou muito bem o time, foi superior durante os 90 minutos, deu um nó tático em Sinomar Naves e conseguiu mais uma vitória. Nad venceu os dois clássicos contra e Tuna e Remo, mas perdeu para os pequenos. /// O trio de arbitragem genuinamente paraense, diminuindo em 10 mil reais as despesas do clássico, ao final da partida se abraçou no meio do gramado como forma de agradecimento à Deus pela performance. Em minha opinião, um trabalho nota dez, onde até os pequenos erros passaram despercebidos. O Joelson levou a bola do jogo e vai pagar 300 reais pelo mimo. /// Águia e Remo garantirão suas vagas no G4 do 1º turno com vantagem, se derrotarem seus adversários nesta quarta, São Francisco e Tuna Luso e o Cametá não vencer o São Raimundo. Com a vitória no clássico, o Paysandu ocupou a 4ª colocação momentaneamente, pois faltou a partida São Raimundo x Galo pra fechar a rodada e a coluna foi fechada antes. /// Parece que vamos ter grandes emoções no esporte no futuro, com a vinda do Gran Prix de Atletismo, com a chegada nesta terça de agentes da FIFA visando a Copa de 2014 e a inclusão do Pará na rota olímpica para 2016. Depois de um marasmo de quase quatro anos, o paraense poderá reviver grandes momentos no esporte, se isso tudo for verdade. /// O Paysandu só ocupou a 4ª colocação depois da vitória contra o Remo, pois apesar de estar em igualdade de condições com a Tuna em todos os itens, venceu o confronto direto por 2 x 1. /// 535 mil e 740 reais e 26 mil pagantes, quase 30 mil presentes no Mangueirão, mostra a força do torcedor paraense. Paysandu na 3ª divisão e o Remo querendo vaga na 4ª, mas o torcedor não larga seus clubes. Um exemplo para o Brasil. /// Uma boa semana a todos e viva Jesus!
E-mails: rporto@supridados.com.br

30 de janeiro de 2012 at 1:10 pm Deixe um comentário

A Bola no Bola – Giuseppe Tommaso – 29.01.2012

BOLA NA TORRE

Deste domingão em clima de RexPa vai começar às 21:10, na
RBATV – Canal 13. Os lances, os gols e as imagens do
clássico no Mangueirão e  os gols desta 5ª rodada do
Parazão. Guerreirão no comando, estarei ao lado do Gerson
Nogueira e do convidado especial o meia Magnum do Remo
que estará no RexPa deste domingo no Mangueirão.

BASQUETE

Na eleição da Federação Paraense de Basquete 5 clubes
teriam direto a voto, Clube do Remo, Cabana Clube,
Paysandu, Assembleia Paraense e AMOS. Só quatro irão
votar, já que o Paysandu por irresponsabilidade daquele que
se diz dirigente está “inadimplente” com a FPB. Pode? Prazo
para inscrições acaba dia 30 de janeiro, por enquanto a chapa
Marcley Lima e Antônio Caetano está confirmada. Se houver
concorrência pode pintar Manoel Reis atual diretor de
basquete da AP. Vamos esperar…                .

“BIRRA”

Apesar de respeitar as convicções do técnico Sinomar Naves,
não dá para entender como o garoto Jaime que está em forma
e voando não está sendo aproveitado no time azulino. Serve
também para o Nad em relação ao garoto Bartola, que parece
ganhar a chance no clássico de hoje contra o Remo. Só
porque. O Jaime continua na fila…

ALERTA…

Aos amigos e dirigentes do Águia de Marabá em especial o
presidente Ferreirinha. Jogo passado com a presença do
Paysandu no Zinho Oliveira foi uma tremenda bagunça dentro
do gramado, que aliás precisa urgentemente de recuperação.
Se relatado na súmula pode dar bronca…

COPA “ZICO”

Realizada na semana que passou na cidade de Capanema a
“2ª Copa Zico 10” com a participação de inúmeros atletas de
ceca de 10 municípios. Mais uma oportunidade de
observações e revelação de novos valores. O pior é quando
revelados vão direto para o CFZ  no Rio. O “Galinho” só
mandou representante.

“FRITURA”

Por mais que tenham tentado camuflar o que fizeram com o
Fran Costa a frente do Independente foi uma verdadeira
“fritura” promovida pelo elenco. Expulsões e falta de
rendimento, sem resultados cai o técnico. Agora Walter Lima
está entregue as feras, e começa hoje em Santarém no jogo
contra o São Raimundo. Em tempo: diretoria do Galo Elétrico
não refrescou e anunciou lista de dispensas.

CONQUISTA…

Do Governo do Estado em fazer de Belém oficialmente uma
das cidades para Centro de Treinamento Olímpico – CTO por
ocasião das Olimpíadas Rio 2016. Trabalho do Governador
Simão Jatene em conjunto com o Secretario Marcos Eiró.
Maior benefício, além da visibilidade, dará aos nossos atletas
a oportunidade de acompanhar de perto a preparação de
atletas consagrados que estarão no Rio 2016. Uma grande
conquista…

29 de janeiro de 2012 at 2:57 pm Deixe um comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 27.01.12

POSITIVO – Maiores ganhos com treinamentos olímpicos em Belém: intercâmbio de nossos atletas com as feras de vários esportes, a reforma geral no Ginásio Nagib Matni e construção de novo ginásio no entorno do Mangueirão para 10 mil pessoas.

NEGATIVO – É de encucar Bartola e Djalma não serem titulares nesse time do Paysandu. Essa alegação de que Bartola só tem fôlego para meia hora é bizarra. Jogou todo o Sub 17, muito mais corrido, horário impróprio e foi artilheiro!

Lá e Cá

Pedra estava cantada: bastaria nesse time do Paysandu, Paulo Rafael, Picachu, Jairinho, Billy, Djalma e Bartola se juntarem a cinco jogadores experientes. No Remo, Cametá, Alan Peterson e Jaime só não são titulares ao lado de Betinho em face muitas indicações.

Remo não perde RE x PA há seis jogos. Nesse ínterim foram duas vitórias e quatro empates. Último triunfo bicolor, de 4×2, aconteceu no 1º jogo da decisão da Taça Cidade de Belém de 2010.

Gramado no Navegantão o pior do campeonato. André Luiz (Tuna) papou 1º grande frango do campeonato. Fran Costa (Independente) segundo treinador a cair após Lúcio Santarém (São Raimundo).

Bom Walter Lima, novo técnico do Galo Elétrico de Tucuruí, precisando emplacar uma, pois não foi bem nos últimos clubes que passou.

Jornalista Palmério Dória, que lança hoje, 19 h, na Fox Dr. Moraes o livro “Crime de Imprensa”, foi goleiro de base de Remo e Paysandu e seu pai, o famoso Palmério, estava no gol no Paysandu no 7×0 no Remo.

Árbitro do RE x PA, Joelson Cardoso, meu entrevistado Bola Pra Frente de domingo. No Bola na Torre (TV RBA – Rádio Clube) estará o meia azulino Magnum. Clássico Cametá x Águia sacudindo Baixo Tocantins.

Quarta rodada teve a melhor média de gols do campeonato (3) e média de público foi de apenas 1.816. Santarém, como sempre, melhor platéia do interior (2.868 pagantes), mesmo com São Raimundo aos trancos.

Comissão de Futebol do Paysandu contrária a jogos em Paragominas como negocia o cartola e ex-presidente Ruy Sales. Ontem reunião de Nad com a comissão. Fala-se nos veteranos Gilberto Silva e Nonato.

Amanhã: Urucubarca x S. José, Vileta Teta x GDO, Pumas Ita x 14 de Abril, Mapuera x Pirata, Amigão x Dínamo, Juarez x Repará, Farofa x Panelinha, Bola Presa x Regulex, Portuguesa x Barca Furada, América PV x Papãozinho e CFP x Peladeiros do Guamá.

Preparativos do bicolor Ângelo Costa para o RE x PA começarão amanhã, 12 h, no Bar da Deusa e do Mauro, festejando o aniversário do investigador Mundinho. SEEL liberou Mangueirão para treinos dos dois.  

HOMENAGEM – Rômulo Genú, o Rômulo, ex-zagueiro do Remo nos anos 70. É gerente de uma revenda de carros em Belém.

27 de janeiro de 2012 at 6:32 pm Deixe um comentário

RITMO DO JOGO

CHEGAMOS À QUARTA RODADA

No Parazão 2012. Faltando apenas três jogos para as finais do turno, o Clube do Remo lidera, com dez pontos. Seguido do Águia, com nove e o Cametá, com oito pontos na tabela.

Dois treinadores perderam o cargo: Lucio Santarém trocado por Nildo Pereira, no São Raimundo e Valter Lima, é o substituto de Fran Costa, no Independente, atual Campeão e último colocado do turno. Charles Guerreiro, na Tuna e Nad, no Paysandu, sustentam-se precariamente, após três derrotas em quatro jogos disputados.

Como ainda restam nove pontos a serem disputados, matematicamente, até o “Galo Elétrico”, que possui apenas um pontinho, pode chegar a dez e, conseqüentemente, vir a ser um dos quatro finalistas da Taça Cidade de Belém, porém, histórico e probabilidades lhe são desfavoráveis, pois, para isso, teria de vencer todos os jogos restantes (S. Raimundo e Águia, fora de casa e o Paysandu, no Navegantão)… Como o jogo é jogado, tudo pode acontecer! 

O artilheiro isolado continua a ser o jogador Rafael Pati, do Cametá, com a invejável marca de um gol por partida. Estando a dois gols dos segundos colocados: Sinésio (Tuna); Maurian (S. Francisco); Branco (Águia) e Marciano (Remo), sendo que o artilheiro interplanetário só atuou em um jogo completo.

A defesa menos vazada é a do Remo, que levou apenas dois tentos, até agora. Detalhe incomodo para o goleiro Adriano, que pela primeira vez amarga um banco na equipe azulina. Já a defesa bicolor é a mais vazada do turno, tendo levado incríveis sete gols em quatro jogos, num torneio onde apenas o Águia de Marabá conseguiu marcar mais de dois em uma mesma partida.

No próximo sábado inicia-se a quinta rodada, com Tuna x S. Francisco, no Souza e Cametá x Águia, no Parque do Bacurau. Jogo dos mais difíceis, pois, os santarenos não querem perder a posição no G4 para seu arqui-rival, que segue nos seus calcanhares, enquanto que, em Cametá, a luta é pela primeira posição do turno, num verdadeiro clássico do interior. Vai sair faísca nesse jogão de bola, com certeza.

No domingo, teremos o primeiro REPA do ano e, mesmo com o Papão um tanto quanto “ruim das pernas”, ninguém deve esperar moleza no Mangueirão. Clássico é clássico! Com toda a pompa da equipe de Sinomar Naves, a tradição e a força do torcedor pesa na hora da bola rolar. O Remo está mais tranqüilo e deverá ter Aldivan na ala esquerda; Magnum mais entrosado com bola e companheiros, além da volta de Joãozinho no ataque. Do outro lado Nad deverá promover a estréia de alguns dos novos contratados, principalmente na zaga. Finalizando a rodada, teremos O Pantera Mocorongo lutando por uma vaga no G4, ante o lanterna Independente, no primeiro jogo de Valtinho. Haja coração! A partir daí, duas equipes deverão assegurar vaga nas finais e, outras duas darão adeus ao turno.

A arbitragem paraense, apesar de um o outro sobressalto e alguns protestos pontuais, segue firme, dando continuidade a sua afirmação e, o REPA, depois de muitos anos, será dirigido por um dos nossos. Ora viva! Boa sorte Joelson Cardoso, capacidade não lhe falta! Estamos, todos, torcendo por você!  (JOÃO CUNHA)

26 de janeiro de 2012 at 7:10 pm 2 comentários

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 26.01.12

POSITIVO – Parceria Prefeitura de Ananindeua-Fefuspa permitirá que se realize no Abacatão o Brasileiro Sub-15 Masculino de Futsal (abril) e o amistoso do Brasil de Falcão contra a Seleção Paraense (julho). Ótimo!

NEGATIVO – Devem estar exagerando nas gratuidades em Cametá, pois anunciar 1.420 pagantes no jogo de anteontem e gozar da inteligência de que tem noção espacial.

Lá e Cá

Remo não agrada, mas não perde. Faz o futebol de resultados e está com pinta de campeão. Já leva algum favoritismo para domingo. E Sinomar Naves se comporta como o Luxemburgo do Norte.

Aliás, Remo perdeu grande chance de negociar Jaime, mesmo por preço inferior à cláusula contratual. Pelo critério da CT azulina com a base, vai amargar banco muito tempo e se desvalorizar.

Com a impossibilidade de contar com o Panda, bom senso manda Aldivan para seu lugar de origem e armação com Betinho e Magnum, no Leão, contra o Papão. Nada de invenção!

Rodrigo Ayres não empolga, mas temos de reconhecer que melhorou. Gol do atacante azulino foi decisivo e contou com a falha grotesca do goleiro Evandro.

Marcas do atacante Marciano: em quatro passagens no Icasa-CE foram 84 gols. No Remo, 13 gols e artilheiro do Parazão 2010, sendo três em cinco RE x PA. Grande atração para domingo!

Paysandu enfrentará o Espigão-RO, pela Copa do Brasil, o São Raimundo (5.2) e o Independente (28.3), pelo Parazão, no moderno estádio Arena Município Verde, em Paragominas. Laudos ficando prontos!

Próxima prova da FPAt será Corrida do Aniversário de Belém (domingo). Dentre as 58 provas do ano consta o XXXI Troféu Brasil de Atletismo (julho). Encerramento será a Volta Natalina do Guamá (23.12.12).

Como joga e há muito tempo esse volante Ricardo Capanema, agora no Cametá. E nenhum grande se interessa por ele! Aliás, Mapará fará representação contra arbitragem de Joelson Santos e Celpa (apagão).

Elenco do Paysandu vai treinar hoje à tarde, amanhã nos dois períodos e sábado de manhã para enfrentar o Remo. Daí a opção pela viagem de avião a Marabá. Nad até cogita utilizar Da Silva, Douglas e Kariri.

Começou ontem e vai até 27.2 a construção de uma arquibancada de 40 metros e 7 degraus para aumentar a capacidade do Estádio Luizinho Turatti, aonde o Espigão-RO receberá o Paysandu, dia 7.3, pela CB.

Segunda feira reunião do prefeito, empresários e clubes de Paragominas para fundação do Clube Atlético Paragominas, visando o Seletivo.

HOMENAGEM – Sidney Silva, o Catita, ex-zagueiro do Independente da Marambaia e Tiradentes. É diretor da CEASA.

26 de janeiro de 2012 at 4:40 pm Deixe um comentário

BOLA PRA FRENTE – Cláudio Guimarães – 25.01.12

POSITIVO – Joelson Cardoso no RE x PA de domingo. Últimos árbitros paraenses a apitar super-clássico foram Olivaldo Moraes,Torneio Ama Belém-2007 e Domingos Viana, Parazão-2003, com 37.615 pagantes no Mangueirão. Ambos os jogos 1×1.

NEGATIVO – Sinal dos tempos: depois do Remo, agora é o Paysandu (Kariri) quem se reforça na 2ª divisão do Tocantins. Fazer o que!

Lá e Cá

Esse Remo x Tuna do dia 1.2 já promete, pois Fábio Oliveira maior artilheiro do Leão (21 gols na Série B de 2007) desde o estadual de 1983, quando Dadinho fez 23 tentos estará pela Lusa contra o ex-clube. 

Ex-zagueiro Assis, do Remo e Fluminense nos anos 60-70, trocou Ananindeua por Mosqueiro e agora mora na Rua Vila Nova, no Ariramba.

Atacante Zé Augusto confirmou após o jogo em Paragominas que esta é sua última temporada como profissional. Aos 37 anos de idade e 16 anos de Paysandu tem projetos políticos, mas pensa ser executivo no bicola.

Eis os cinco clubes de futebol pelada mais antigos de Belém, após levantamento de Arnoud Ueber e Jr Mendes: Vila Teta (64 anos), ABC (59 anos), Mapuera (49 anos), Regulex (39 anos) e Alcindo Cacela (37 asnos).

No Parazão de 2011 o Remo ganhou no turno de 3×1 (dia 13.2) e houve empate de 1×1 (1.5) no returno. Será o RE x PA número 710. No interior, Águia trouxe de volta o experiente atacante Wando.

Esta quarta rodada do 1º turno (Taça Cidade de Belém), iniciada ontem e que será concluída hoje, a única de todo o campeonato sem jogos na Capital.

Hoje posse na nova diretoria da Academia Paraense de Jornalismo (faço parte), na AP, sede social, 19:30 h, quando Denis Cavalcante passa a presidência para Gilberto Danin.

Fábio Oliveira-Beá, a experiente dupla de ataque da Tuna, hoje, contra o São Francisco, em Santarém. Vertiginosa a queda do São Raimundo: ficou sem série no Brasileiro e se vê ameaçado de sair da elite do Parazão.

Héliton (lesão grau 1 no músculo bíceps femoral da coxa esquerda) e Billy (dores musculares no bíceps femoral da coxa esquerda), poupados no jogo de hoje, em Marabá, passam por intenso tratamento para o RE x PA.    

É o empresário Raul Aguillera que deseja bancar quatro jogadores para o Paysandu. Esse tem crédito!

Remo estreará domingo no super-clássico camisas remetidas pelo novo fornecedor. Cametá caminhando para fazer de novo o artilheiro do Parazão (Rafael Paty). Ano passado Leandro Cearense marcou 21 tentos.

HOMENAGEM – Carlos Alberto Marinho Pinto, o Pinto, ex-meia atacante da Tuna e Clube Julio Cesar nos anos 50-60. Aposentado mora em Mosqueiro, na Alameda Rego Barros, no Chapéu Virado.

25 de janeiro de 2012 at 4:35 pm Deixe um comentário

Posts antigos


Clube no Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.